A RÃ FERVIDA

Este radioclip es de texto y no tiene audio grabado.

Uma parábola dedicada aos corruptos…

LOCUTORA Imaginem uma panela cheia de água…

EFEITO CHAPINHAR

LOCUTORA … e dentro dela, uma rã. Uma rã que nada e pula tranquilamente.

EFEITO CHAPINHAR

RÃ Como sou feliz!… Iupi!

LOCUTORA Mas uma mão invisível acende a boca do fogão abaixo da panela.

EFEITO FÓSFORO, GÁS

LOCUTORA A água começa a esquentar a fogo lento, muito lento…

EFEITO FOGO LENTO

LOCUTORA Depois de um tempo, a água está morna…

RÃ Que banho tão delicioso!… Iupi!

LOCUTORA A rã continua nadando muito tranquila, enquanto a temperatura vai subindo…

EFEITO ÁGUA FERVE MAIS

RÃ Puf… Está fazendo calor… No que isso importa?… Viva a vida, iupi!

LOCUTORA Agora a água está quente, um pouco mais do que agrada a rã. Mas ela não se inquieta…

EFEITO FERVE MAIS

RÃ (BOCEJA) Que sono…

LOCUTORA … e além do mais, o calor sempre a deixa um pouco cansada…

EFEITO ÁGUA FERVENDO

GEMIDOS, SOFOCO

LOCUTORA A água está muito quente. A rã começa a ficar irritada. O problema é que está dormindo, sem forças, então se limita a aguentar…

EFEITO ÁGUA BORBULHANDO

RÃ Com mau tempo… boa… rã… (RONCA)

LOCUTORA A temperatura da água continua subindo pouco a pouco, pouco a pouco…

RONCANDO

LOCUTORA … até que a rã acaba fervida e morre sem ter realizado o menor esforço para sair da panela.

CONTROL MÚSICA TRISTE

LOCUTORA Se tivéssemos submergido a rã de uma vez na panela a cinquenta graus de calor, ela teria dado um enérgico salto e teria se posto a salvo. Mas assim, lentamente…

CONTROL MÚSICA TRISTE

LOCUTORA Acontece a mesma coisa com os corruptos que com a rã da parábola. Primeiro é um tropeço de pouca importância. Cobrar um pouco mais e ficar com a diferença… Afinal, quem vai perceber que esse dinheirinho falta?… Depois, é uma mercadoria que não aparece… Uma assinatura falsa… Um pouco mais… Uma mudança de números no contrato… Um pouco mais… Aqui todos roubam… por que não eu? …Um pouco mais… Quem não rouba é otário… Um pouco mais de calor… Viva a vida!

EFEITO AGUA FERVENDO

LOCUTORA O corrupto está afogado em sua própria corrupção. Se sente bem. Ri. Burla dos que não são como ele. Tem a consciência adormecida. Está anestesiado. Está morto.

BIBLIOGRAFÍA
Marty Rubin “The boiled Frog Syndrome”, 1987.

A RÃ FERVIDA

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.

Este sitio usa Akismet para reducir el spam. Aprende cómo se procesan los datos de tus comentarios.