ALBA, VENDIDA COMO MERCADORIA

Este radioclip es de texto y no tiene audio grabado.

Sou prostituta de bordel. Eu quer sair,mas como viverei? Não sei fazer outra coisa. E tu, ¿que farias em meu lugar?

CONTROLE CARACTERÍSTICA DA SÉRIE

EFEITO BAR, RISADAS MULHERES E HOMENS

CLIENTE Você me agrada… Como você se chama?

ALBA Alba.

CLIENTE Alba? Significa pureza. Estranho para uma garota deste lugar.

CONTROLE MÚSICA DE BORDEL

ALBA Já tenho 20 anos. E quase toda minha vida passei com homens como este em lugares como este. Foi há muito tempo… para mim, uma eternidade. Eu era uma menina órfã e trabalhava como empregada doméstica em uma fazenda…

EFEITO COPOS

PATRÃO Olhe para ela. É uma caipirinha, linda e… virgem. Nada melhor para o teu negócio. Quanto paga?

CONTROLE GOLPE MUSICAL

ALBA Assim, como se vende um porco, me entregou a esse cara. Levaram-me para capital e uns traficantes me receberam em um apartamento muito chique. Comigo iam outras três meninas.

EFEITO RISOS E MURMÚRIOS DE HOMENS

HOMEM 1 Está boa a mercadoria.

HOMEM 2 É só tirar o cheirinho de índia e pronto.

EFEITO RISAS

ALBA Separam-me das outras meninas. Uma mulher me lavou, deram-me roupas novas e elegantes, pintaram-me o rosto, me perfumaram.

MULHER Está pronta, querida. Você está ótima. Vamos ter êxito contigo, é sério (RISOS).

ALBA Naquela mesma noite, entregaram-me ao primeiro cliente. Eu tinha tanto medo que comecei a chorar. Não sabia por que estava ali, queria sair correndo enquanto o homem ofegava sobre meu corpo. Sentia-me suja e envergonhada (PRANTO).

MULHER Não seja boba, Alba. Você logo se acostuma.

CONTROLE GOLPE MUSICAL

ALBA Passou o tempo. Meus chefes, isto é, os traficantes, me mudaram várias vezes de lugar. Ganhavam dinheiro e me davam uma parte, o suficiente para pagar um quarto na mesma casa onde recebiam os clientes. Nunca pude economizar nada.

EFEITO RISOS E MURMÚRIOS DE HOMENS

ALBA (IRÔNICA) Sou o que se chama uma puta de bordel. Não estou vendendo-me na rua, que seria pior, nem passo fome. Mas sou escrava desta gente. Nunca mais soube de meu pai, não tenho família. Nunca pude namorar, nem estudar, nem sequer ter amigas. Toda minha vida é irreal.

DUEÑA Alba, esta noite você tem que ir ao apartamento do advogado Cintra. Arrume-se e já sabe, tem que agradá-lo.

ALBA Não, por favor. Com esse não. É um sádico.

DONA (COM DUREZA) Negócios são negócios. Além disso, você não está em situação de escolher. Então…

ALBA Então… eu tenho que ir aonde me mandam, com quem quer que seja, expondo-me a golpes, a caprichos extravagantes. Sinto nojo, ódio desta vida. Já não agüento. (SOLUÇOS)

CONTROLE MÚSICA TRISTE

ALBA Um dia comentei com uma companheira. (PAUSA) Estou farta, quero sair disso.

AMIGA Está louca? Não sabe o que está dizendo.

ALBA Vou enlouquecer aqui.

AMIGA Você não sabe fazer nada.

ALBA Posso trabalhar.

AMIGA (IRÔNICA) De puta de rua? Por favor, Alba. Escute, eu tentei escapar uma vez, mas foi pior, me perseguiram, me ameaçaram, me chantagearam. E aqui estou. Esquece. (ECO)

CONTROLE GOLPE MUSICAL

ALBA Não fiquei tranqüila. Tinha que haver uma maneira de acabar com esta escravidão. Estava pensando nisso quando chegou um cliente do qual gostei muito.

EFEITO RISOS DE AMBOS

ALBA O homem vinha toda semana e fomos nos tornando amigos. Um dia lhe falei. E ele se ofereceu para me ajudar. Combinamos que eu iria a seu apartamento e não voltaria para aquela casa.

CONTROLE MÚSICA TENSA

ALBA Chegou o momento combinado. Eu estava saindo quando…

CAFETÃO Aonde pensa que vai?

ALBA Tenho um cliente, vou ao apartamento dele.

CAFETÃO (RISADA GROSSEIRA) Ah é?… Que estranho, ninguém a convidou.

ALBA (BRAVA) Deixe-me ir. Solte-me.

EFEITO FORCEJO

ALBA O cara me agarrou pelo pescoço, bateu no meu rosto, me deu um soco no estômago e me deixou meio desmaiada. Acordei no meu quarto, com o corpo todo doido. Minha companheira veio me ver.

AMIGA Eu te disse, Alba. Você está presa aqui.

ALBA Como ficaram sabendo?

AMIGA Você é tonta, Alba? Olha debaixo da cama… esta vendo estes aparelhos? São microfones, eles espionam a gente. Não tem escapatória, para as putas não há saída. Estamos nas mãos deles. Entenda.

CONTROLE MÚSICA DRAMÁTICA

ALBA Olho-me no espelho. Vejo uma mulher bonita, jovem, mas com os olhos secos, sem vida. Queria ser outra pessoa, ter um namorado que me convidasse ao cinema e para comer com sua família. Quero escapar, conseguirei? Terei que continuar sendo sempre puta? Tenho medo. Não sei o que fazer. E você, o que faria no meu lugar?

CONTROLE MÚSICA SUSPENSE

*PRIMERA SOLUÇÃO*

CONTROLE CARACTERÍSTICA DA SÉRIE

LOCUTORA Primeira solução…

AMIGA Eu te disse, Alba. Você está encrencada. Não há escapatória, para as putas não há saída.

CONTROLE MÚSICA DRAMÁTICA

ALBA Depois da surra, fiquei vários dias de cama. A dona lembrava-me que teria que pagar os gastos de minha recuperação. Uma companheira vinha me ver e me consolava.

AMIGA Alba, se conforme. Estamos nas mãos deles.

ALBA Quero sair daqui. Não agüento mais.

AMIGA Para onde? Não temos família, estamos em uma cidade estranha, não percebe?

ALBA A única coisa que eu percebo é que não quero continuar nesta escravidão. Lembrava vagamente da minha vó e do que ela me dizia…

AVÓ (REVER) Filha, lá longe, onde o caminho se perde, há outro mundo. Um lugar onde não se sofre, onde podemos ser felizes.

ALBA Eu estava certa que esse lugar não estava depois da morte, em nenhum paraíso celestial. Tinha que ser aqui na terra.

CONTROLE MÚSICA NEW AGE

ALBA Tenho que fugir, tenho que fugir!

CONTROLE GOLPE MUSICAL

ALBA Os dias de cama me fizeram pensar. Neste lugar nos controlam, nos escutam, nos tiram o dinheiro, mas haverá algum modo de sair. Tenho que estudar bem os passos do cafetão, esse que me bateu.

CONTROLE MÚSICA SUSPENSE

ALBA Pedi ajuda a minha amiga…

AMIGA Se descobrirem, te matarão.

ALBA Não tenho medo. Quero ser livre.

CONTOL GOLPE MUSICAL

ALBA A convenci. No fundo, ela também queria fugir. Passaram unos meses. E em uma noite…

AMIGA (MEIA VOZ) Alba, Alba… O cafetão está bêbado e o outro está com uma mulher. Vai.

CONTROLE MÚSICA SUSPENSO

ALBA Me vesti como se fosse receber um cliente. A dona estava distraída e aproveitei para sair da casa. Tremia como uma folha quando me vi na rua. Me deu medo e quis retroceder. Lembrei da minha vó…

AVÓ (REVER) Há outro mundo, Alba.

ALBA Corri. Não sei quanto tempo nem em que direção. (RISO) Encontrei-me em uma rua amplia, cheia de vitrines e luzes coloridas. As pessoas caminhavam, os homens voltavam para suas casas. Foi uma sensação estranha, nenhum deles queria levar-me para cama.

CONTROLE CARACTERÍSTICA DA SÉRIE

LOCUTORA Cem mulheres em conflito. Uma produção SERPAL. Escrita e dirigida por Tachi Arriola Iglesias. Edição e montagem, Carlos Romero.

CONTROLE CARACTERÍSTICA DA SÉRIE

*SEGUNDA SOLUÇÃO*

CONTROLE CARACTERÍSTICA DA SÉRIE

LOCUTORA Segunda solução…

AMIGA Não lhe disse, Alba. Você está encrencada. Não há escapatória, para as putas não há saída.

CONTROLE MÚSICA DRAMÁTICA

ALBA Depois da surra, fiquei vários dias de cama. Não podia trabalhar e a dona me lembrava o preço da minha aventura.

DONA Não faça mais isso, Alba. Esta é tua casa, somos tua família. Olha no que deu, doente e sem poder trabalhar. Claro que este “descanso” custa. Vejamos… os medicamentos, o quarto, a comida…

CONTROLE MÚSICA TRISTE

ALBA Logo me recuperei. Se continuasse na cama não poderia nem comer de tanta dívida. Maquiei-me, dissimulei os hematomas do meu rosto e saí para minha “vida alegre” de sempre.

EFEITO RISADAS E MURMÚRIO DE HOMENS

HOMEM Vamos, gatinha?

CONTROLE MÚSICA DE BORDEL

ALBA Naquela noite atendi vários clientes. O fiz até ficar tonta, para esquecer quem sou (CHORO). Quase não tinha lembranças de minha mãe, ela morreu quando eu era muito pequena. Meu pai me deixou na fazenda e desapareceu. O resto da minha história vocês já conhecem.

CONTROLE MÚSICA TRISTE

ALBA A única coisa boa é minha amizade com a companheira que me ajudou. Ela se comportou como uma irmã em meio a minha desgraça. A partir daí nos convertemos em confidentes, nos consolávamos… Quanto afeto nós duas necessitávamos!

EFEITO RISOS AMBAS

ALBA Um dia, voltei a lhe dizer que queria sair. Ela ficou triste. Falou-me da vida lá fora, dos perigos que eu não conhecia, me deu medo. Eu tinha vivido sempre naquele ambiente, será que fora era pior que estar em uma casa de prostituição?

AMIGA Onde irá viver, Alba? Você tem família?

ALBA Não.

AMIGA Precisará de dinheiro, você tem?

ALBA Não.

AMIGA Tem documentos, Alba?

ALBA Não.

AMIGA Estudou alguma coisa, sabe trabalhar em outra coisa?

ALBA Não.

CONTROLE MÚSICA TRISTE

ALBA Minha amiga me trouxe para realidade. Estou só no mundo, não tenho ninguém, só esta casa, os homens, a dona, o cafetão e ela. E se me comporto, me tratam bem. É certo, não tenho saída. É meu destino.

EFEITO RISADAS E MURMÚRIOS DE HOMENS

DONA Alba, o coronel Dantas te espera esta noite.

CONTROLE CARACTERÍSTICA DA SÉRIE

LOCUTORA Cem mulheres em conflito. Uma produção SERPAL. Escrita e dirigida por Tachi Arriola Iglesias. Edição e montagem, Carlos Romero.

CONTROLE CARACTERÍSTICA DA SÉRIE

*TERCEIRA SOLUÇÃO*

CONTROLE CARACTERÍSTICA DA SÉRIE

LOCUTORA Terceira solução…

AMIGA Eu te disse, Alba. Você está encrencada. Não há escapatória, para as putas não há saída.

CONTROLE MÚSICA DRAMÁTICA

ALBA Depois da surra, fiquei vários dias de cama. Não podia trabalhar e a dona me lembrava o preço da minha aventura.

DONA Você está louca, Alba. Espero que tenha aprendido a lição. Se nos trair, você pode sofrer um “acidente”…

CONTROLE GOLPE MUSICAL

ALBA Suas palavras me assustaram… Quando me recuperei, comecei a atender aos clientes da melhor maneira possível.

EFEITO RISADAS E MURMÚRIOS DE HOMENS

DONA Muito bem, Alba! Vejo que já esqueceu aquelas besteiras.

ALBA (IRÔNICA) É que seu método de ensino é muito eficiente.

CONTROLE MÚSICA BURDELERA

ALBA A dona da casa voltou a confiar em mim. Não. Confiava no cafetão e em seus métodos. Com cuidado, e pondo mil antenas ligadas, averigüei a existência de umas organizações que ajudam as mulheres a sair da prostituição.

AMIGA Alba, é perigoso. Se souberem que fez contato com elas, vão te matar.

ALBA Não, amiga. Tenho que fazer algo, não quer fugir também? Não quer destruir aos mafiosos que nos exploram? Viu que a semana passada trouxeram umas meninas?

AMIGA São delinqüentes, acha que pode vencê-los?

ALBA Estou aqui desde menina, não vou continuar mais.

AMIGA Alba, tenha cuidado.

CONTROLE GOLPE MUSICAL

ALBA Deixei o tempo passar. A dona da casa estava tranqüila e já me deixava sair para os apartamentos dos clientes. Não ia sozinha, o cafetão sempre me acompanhava, mas… ele não podia entrar no quarto.

CLIENTE (RISOS) Saúde, Alba. Outro uísque?

ALBA Fingi que tomava. E quando o velho estava dormindo, cheio de bebida…

EFEITO TELEFONE

ALBA Alô? Polícia? Por favor, é urgente. Tenho que fazer uma denúncia.

CONTROLE SIRENA POLÍCIA

ALBA A polícia chegou ao apartamento do velho. Também foi à casa de prostituição. Minha amiga me contou que prenderam a dona e os outros cafetões. Eu me refugiei na organização de mulheres. Não sei aonde irei depois, só sei que para aquela casa, nunca mais.

CONTROLE CARACTERÍSTICA DA SÉRIE

LOCUTORA Cem mulheres em conflito. Uma produção SERPAL. Escrita e dirigida por Tachi Arriola Iglesias. Edição e montagem, Carlos Romero.

CONTROLE CARACTERÍSTICA DA SÉRIE

p=. **********************************

p=. GUIA PARA O DEBATE*

_Tenho 20 anos. Aos doze anos fui vendida por meu patrão e levada para capital. Lá, um grupo de traficantes me recebeu em um apartamento luxuoso com outras três meninas. Agora sou prostituta de bordel. Eles me oferecem e ganham dinheiro comigo. Eu quero sair, mas como viverei? Não sei fazer nada nem tenho ninguém. E você o que faria em meu lugar?_

_Primeira solução: Alba escapa do lugar._
* _Segunda solução: Alba fica na casa de prostituição._
* _Terceira solução: Alba denuncia seus exploradores._

p=. **********************************

*Exploração sexual*

Atividade mediante a qual uma pessoa, em sua maioria mulher ou menor de idade, é obrigada a realizar atividades sexuais para o lucro de outra. A exploração sexual existe em todas as partes do mundo favorecendo assim o tráfico de mulheres e o seqüestro de meninas para esse fim.

*Prostituição*

Atividade de uma pessoa, homem ou mulher, que mantém relações sexuais com outra em troca de dinheiro.

Não é uma expressão de liberdade sexual das mulheres, tem a ver com a violência sexual, a marginalização, a miséria, a cultura patriarcal e machista da sociedade. A maioria das mulheres em prostituição provêem de uma história de abuso sexual (entre 65 e 90%) e são mantidas nela pela força, chantagens, espancamentos e ameaças.

A prostituição e todas as formas de exploração sexual da mulher, foram reconhecidas pela UNESCO como escravidão. Também a Coalizão Contra o Tráfico de Mulheres afirma que a prostituição não é voluntaria, mas forçada já que escraviza a mulher, que não pode modificar as condiciones de sua existência.

A prostituição é uma questão de gênero. A maioria dos usuários são homens. É uma questão de classe: a maioria das mulheres e meninas que a exercem se encontram em estado de exclusão social.

A denominação de trabalhadoras do sexo não dignifica nem favorece a mulher prostituída, mas aos clientes, cafetões, proxenetas e traficantes.

*Mitos sobre a prostituição*

Uma porcentagem importante das mulheres na prostituição estão contentes com ela.
As mulheres prostituídas são livres, não são controladas nem maltratadas por cafetões.
A prostituição é uma atividade voluntaria e dá muito dinheiro.
A prostituição é um trabalho tão digno como outro qualquer. Quem quer largar, larga.

*Dados*

No mundo, a cada ano ingressam no “mercado sexual” mais de um milhão de menores. A maioria são meninas.

Na América Latina, o tráfico de mulheres para a prostituição gera lucros anuais de 16 bilhões de dólares, segundo cálculos da Organização Internacional para as Migrações (OIM).

Na Espanha, mais de 90% das mulheres dedicadas à prostituição são imigrantes em situação irregular. Mais de meio milhão de mulheres e meninas são vítimas da exploração sexual. Este volume de tráfico de seres humanos, serve para desbaratar qualquer pretensão de “honorabilidade” para traficantes e “empresários do sexo”.

O negócio da prostituição na Espanha desbancou o tráfico de armas em relação ao dinheiro que gera. Estima-se que os lucros anuais somam mais de 18 bilhões de euros. Cerca de 50 milhões de euros por dia.

A prostituição é o terceiro negócio mais lucrativo do mundo e uma parte substancial desse negócio repousa na “economia criminosa”. Está comprovado que em torno da prostituição se produz um aumento do tráfico de drogas, a delinqüência e outros delitos. A prostituição é também o modo de vida das máfias que traficam mulheres.

*Respostas estatais*

Os países enfrentam a prostituição de três maneiras:

* Proibicionista, o Estado proíbe a prostituição e pune a prostituta.
* Regulamentista, o Estado tolera e regulamenta a atividade. Instala “zonas de tolerância”.
* Abolicionista, o Estado reconhece sua existência e luta por sua erradicação. É o caso pioneiro da Suécia onde a prostituição é considerada “delito de gênero”, e onde se pune o cliente e se busca a reabilitação da prostituta.

Em maio de 1998, a Suécia foi o primeiro país que proibiu a compra de serviços sexuais impondo multas e penas de prisão de até 6 meses para o cliente, e integrando esta medida na legislação que regula a violência contra as mulheres.

Se os homens não considerassem um direito deles a compra e exploração sexual de mulheres e meninas, a prostituição e o tráfico não existiriam.

*Para completar…*

* Estatísticas de tráfico de mulheres e meninas e prostituição em teu país e localidade
* O seu país é abolicionista, proibicionista ou regulamentista?
* Situações de mulheres libertadas da prostituição. Um caso.
* Lugares de orientação e programas de atenção às mulheres em prostituição (endereço e telefone)

*Como usar este programa?…

1. Apresentar o tema.
2. Passar a dramatização do conflito (sem os finais possíveis).
3. Provocar um primeiro diálogo com a audiência (o que acontecerá com a protagonista? O que você faria em um caso semelhante? Como terminará este conflito?).
4. Passar os três finais possíveis, um a um, com comentários intercalados. Qual é a melhor solução?
5. Abrir o debate (telefônico e/ou presencial). Nesta ficha há dados para comentar o tema.
6. Você também pode convidar uma mulher que se libertou da prostituição para comentar o programa e responder as perguntas da Audiência.
7. Para terminar, seria conveniente escutar o programa completo com a solução mais votada pela audiência.

ALBA, VENDIDA COMO MERCADORIA

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Este sitio usa Akismet para reducir el spam. Aprende cómo se procesan los datos de tus comentarios.