A ARTE DE MANIPULAR CONCIÊNCIAS

Este radioclip es de texto y no tiene audio grabado.

Aos que acreditam nas profecias lhes convém saber que este bom senhor nem se quer conseguiu adivinhar seu futuro.

LOCUTOR – E 1º. de setembro de 1939 o exército alemã cruzou a fronteira da Polônia. Dois dias mais tarde, Inglaterra e França declaravam guerra a Hitler. A Segunda Guerra Mundial havia começado.

EFEITO – RUIDOS DE GUERRA

LOCUTORA – Enquanto os nazistas ocupavam Varsóvia, a fanática esposa de Joseph Goebbels- o ministro da propaganda de Hitler – estava lendo em sua cama, as profecias de Nostradamus.

LOCUTOR – A senhora Goebbels, sobressaltada, despertou seu marido:

LOCUTORA – Aqui está, lê-lo, olhá-lo… Esta guerra já foi profetizada!

LOCUTOR- Joseph Goebbels, vendo o entusiasmo de sua esposa, ordenou a seus oficiais que estudassem as 942 quartetas do célebre adivinho francês para ver quais lhe poderiam ser úteis.

LOCUTORA- A busca não deu resultado. Mas Goebbels, sem nenhum escrúpulo, começou a juntar uns versos com outros, a falsificar palavras, a inventar profecias que não apareciam no livro.

LOCUTOR- Em seguida , deu ordem de imprimi-las e lançou milhares de panfletos sobre França naquele trágico verão de 1940.

LOCUTORA- Joseph Goebbels era mestre na arte de manipular consciências. Havia utilizado o rádio e a nascente televisão para condicionar a opinião pública alemã e fazer crer que a guerra de Hitler era tão inevitável como a sua vitoriosa.

LOCUTOR- Como bom terrorista da palavra, Goebbels conhecia bem a crença humana e encontrou em Nostradamus uma ferramenta muito oportuna para enganar aos ingênuos.

CONTROLE – MÚSICA MISTERIOSA

LOCUTORA- Michel de Nostradame, mais conhecido como Nostradamus, foi um astrólogo francês do século 16. Deixou escritas suas pregações numa linguagem hermética, inventada por ele, misturando francês, latim e jogos de palavras. Estas profecias se conhecem como as Centúrias.

LOCUTOR- Depois do atentado às Torres Gêmeas de Nova York, as profeccias de Nostradamus se esgotaram nas livrearias dos Estados Unidos.

LOCUTORA – A razão do repentino interesse por Nostradamus é, sobre tudo, um correio eletrônico que circula pela internet, que já deu volta ao mundo.

LOCUTOR -no dito correio eletrónico se lê uma arrepiante profecía do visionário francês:

LOCUTORA Na cidade de Deus haverá um grande trono, dois irmãos gêmeos brigados pelo Caos. Enquanto que a fortaleza aguenta, o grande líder sucumbirá. A terceira guerra começará quando a grande cidade estiver queimando.

LOCUTOR O texto que acabam de escutar é completamente falso. Nunca o escreveu Nostradamus. Leiam do princípio ao fim todas as Centúrias e não encontrarão nada semelhante.

LOCUTORA E cabe a pergunta: quê vantagem tem com este engano quem enviou esta mensagem?

LOCUTOR O mesmo que ganhava Joseph Goebbels: fazer acreditar que a guerra é inevitavel porque já estava profetizada.

LOCUTORA Legitimar a guerra, apresenta-la como um destino manifesto.

LOCUTOR Vale a pena fazer notar que das 942 profecias que escreveu Nostradamus só quatro delas contém uma data precisa. E nas quatro falhou.

LOCUTORA – Aos que acreditam nas profecias lhes convém saber que este bom senhor nem se quer conseguiu adivinhar seu futuro. Já doente, Nostradamus previu que morreria logo logo, exatamente em novembro de 1567. A morte o visitou antes, em julho de 1566.

BIBLIOGRAFIA

Francis X. King, El Libro de las Predicciones, Plaza Janés, Barcelona, 1988.

A ARTE DE MANIPULAR CONCIÊNCIAS

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Este sitio usa Akismet para reducir el spam. Aprende cómo se procesan los datos de tus comentarios.