EU SOU ERNESTINA QUISPE

Este radioclip es de texto y no tiene audio grabado.

Milhares de mulheres rurais não têm nenhum documento de identidade. Legalmente não existem.

REPÓRTER (FILTRO RADIO) Atenção, atenção. Senhora Ernestina Quispe. LHe comunicamos que seu filho Pedro Gómez lhe está enviando um pacote desde o estrangeiro. Pode buscá-lo no correio central.

EFEITO SEGUE O RADIO EM TERCEIRO PLANO

CAMPONESA ( AGITADA ) Dona Ernestina, escutou a radio? O Pedro lhe está mandando uma encomenda. Se quer, posso acompañar a senhora até o correio central.

EFEITO CARRO EM MARCHA E AMBIENTE DE CAMPO

LOCUTOR Muito cedo, sairam as duas mulheres rumo à cidade. Fazia um ano que o filho de Ernestina havia ido trabalhar na Espanha e era a primeira vez que enviava algo à sua mãe.

ERNESTINA Qué será que me manda? Seus irmãoszinhos não têm cadernos nem lápis para ir à escola. Eu não tenho roupa para abrigar-me no inverno.

CAMPONEZA Seguro que é isso, dona Ernestina.

ERNESTINA E oxalá se lembre de me mandar algum dinheirinho. É que devo no comércio e não tenho para pagar.

CAMPONEZA Assim será. Já verá você…

LOCUTOR As mulheres viajaram durante 6 horas. Cansadas mas alegres, chegaram ao correio central.

ERNESTINA Bom dia, senhor. Me avisaram pela radio que meu filho Pedro Gómez me mandou um pacote da Espanha.

EMPREGADO Sim, senhora. Aqui o tem, chegou a uns dois dias.

ERNESTINA Obrigada, Virgenzinha!… Então, dê-me minha encomenda.

EMPREGADO Muito bem, senhora. Mostra-me seu documento de identidade.

ENESTINA Que documento? Não tenho documento. Eu sou dona Ernestina e Pedro é meu filho.

EMPREGADO Está bem, senhora, mas você tem que identificar-se. Tem algum outro papel que diga quem é você?

CAMPONEZA Ela é minha comadre Ernestina, eu a conheço.

EMPREGADO Impossível, senhoras. Sem o documento de identidade, não posso entregar-lhes o pacote.

ERNESTINA (NERVOSA) Mas, senhor, em meu povoado todos me conhecem.

EMPREGADO Seu documento, senhora.

ERNESTINA (CHORANDO) Nesse pacote está escrito meu nome, dá-me por favor.

EMPREGADO O sinto, senhora.

CONTROL CORTINA MUSICAL TRISTE

LOCUTOR Ernestina e sua comadre regressaram ao povoado. Nao entendiam o que aconteceu. Sua avó e sua mãe nunca necessitaram papéis e a ela tão pouco a inscreveram no registro Civil.

CONTROL AMBIENTE Y MÚSICA DE CAMPO

LOCUTORA Como dona Ernestina, milhares de mulheres rurais não têm nenhum documento de identidade. Legalmente não existem. Não são cidadãs. Não podem exercer seus direitos.

LOCUTOR No Peru, Bolivia e Equador, países de grande população indígena, esta situação pode cegar até a 80 por cento

LOCUTORA Não podem votar, não podem viajar, não podem estudar, não se podem casar, não podem receber créditos.

LOCUTOR Não podem ser proprietárias de suas terras, não podem inscrever a seus filhos e filhas, não podem ter seguridade social, não podem… não podem…não podem…

CONTROL MÚSICA EMOTIVA

ERNESTINA Eu sou Ernestina Quispe. No povoado todos me conhecem. E vocês, não sabem quem sou?

BIBLIOGRAFIA
Centro Flora Tristán, http://www.flora.org.pe/dnimujeres.htm

EU SOU ERNESTINA QUISPE

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.

Este sitio usa Akismet para reducir el spam. Aprende cómo se procesan los datos de tus comentarios.