OS DE DESPOIS SIM ENTENDEMOS

Este radioclip es de texto y no tiene audio grabado.

Outro conto do Subcomandante Marcos…

NARRADORA Conta a história que, em uma cidadezinha, homens e mulheres labutavam diariamente para viver.

EFEITO RUIDOS TRABALHO NO CAMPO

NARRADORA Todos os dias saíam homens e mulheres para seus respectivos trabalhos: eles ao milharal e a plantação de feijões; elas à lenha e a carregar água. Às vezes, haviam trabalhos que faziam juntos. Por exemplo, homens e mulheres se juntavam para o corte do café, quando chegava seu tempo. Assim acontecia.

CONTROLESICA DE SUSPENSE

NARRADORA Mas havia um homem que não fazia isso. Sim trabalhava , mas não roçando o milho e o feijão, nem se aproximava dos cafezais quando os grãos avermelhavam nos ramos. Não, este homem trabalhava semeando árvores na montanha.

EFEITO VENTO

NARRADORA As árvores que este homem plantava não eram de rápido crescimento, todas demorariam décadas inteiras para crescer com todos seus ramos e folhas. Os outros homens riam e criticavam muito este homem.

VIZINHO Para que você trabalha em coisas que não vai nunca ver terminadas? É melhor trabalhar no milharal, que a poucos meses já te dão os frutos, o milho, e não em semear árvores que serão grandes quando você já estiver morto.

VIZINHA Você é tonto ou louco, porque trabalha inutilmente.

NARRADORA O homem se defendia e dizia:

HOMEM Sim, é certo, eu não vou ver estas árvores já grandes, cheias de ramos, folhas e pássaros, nem meus olhos verão as crianças brincando debaixo de sua sombra. Mas se todos trabalharmos somente para o presente e para apenas a manhã seguinte, quem semeará as árvores que nossos descendentes necessitarão para ter abrigo, consolo e alegria?

EFEITO MURMÚRIOS DE REPROVAÇÃO

NARRADORA Ninguém o entendia. Continuou o homem louco ou tonto semeando árvores que não veria, e continuaram homens e mulheres sensatos semeando e trabalhando para seu presente.

CONTROLESICA DE TRANSIÇÃO

NARRADORA Passou o tempo e todos eles morreram, seus filhos continuaram seu trabalho, e a estes continuaram os filhos de seus filhos.

EFEITO PASSARINHOS

NARRADORA Numa manhã, um grupo de crianças saiu a passear e encontraram um lugar cheio de grandes árvores, mil pássaros as povoavam e suas grandes copas davam alívio no calor e proteção na chuva. Sim, encontraram uma montanha inteira cheia de árvores.

CONTROLESICA EMOTIVA

NARRADORA As crianças voltaram a sua cidadezinha e contaram sobre este lugar maravilhoso. Os homens e mulheres se juntaram e muito espantados foram ao lugar.

VIZINHO 2 Quem sememeou isto?

VIZINHA 2 Sim, quem semeou essas árvores?

NARRADORA Ninguém sabia. Foram conversar com os mais velhos e eles também não sabiam. Só um senhor, o mais velho da comunidade, lhes soube dizer a razão e lhes contou a história do homem louco e tonto.

ANCIÃO Foi ele… foi ele quem as semeou…

NARRADORA Os homens e mulheres se reuniram em assembléia e discutiram. Vieram e entenderam o homem que seus antepassados maltrataram, e admiraram muito esse homem e o amaram.

CONTROLESICA EMOTIVA

NARRADORA Sabedores que a memória pode viajar muito longe e chegar onde ninguém pensa ou imagina, os homens e mulheres de hoje foram ao lugar das árvores grandes. Rodearam uma que estava no centro e, com letras coloridas, lhe fizeram um letreiro. Fizeram festa, e já avançava a madrugada quando os últimos dançarinos foram dormir. O grande bosque ficou só e em silêncio.

EFEITO CHUVA

NARRADORA Choveu e deixou de chover. Saiu a Lua e a Via Láctea acomodou de novo seu retorcido corpo. Logo, um raio de lua acabou de se esconder por entre os grandes galhos e folhas da árvore do centro e, com sua luz baixinha, pude ler o cartaz coloridos deixado lá. Assim dizia:

VIZINHO 2 Aos primeiros: Os de despois, sim entendemos. Saudações.

BIBLIOGRAFÍA
Relatos do Subcomandante Marcos, Los otros cuentos, 2008. http://www.losotroscuentos.org/doku.php?id=indice

OS DE DESPOIS SIM ENTENDEMOS

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.

Este sitio usa Akismet para reducir el spam. Aprende cómo se procesan los datos de tus comentarios.