OS DITADUROS (4)

Este radioclip es de texto y no tiene audio grabado.

Conheçamos outro tipo de diretores e diretoras que, desgraçadamente, abundam.

Topamos com um tipo de diretores que só sabem dar ordens. Diretoras que, sem consultar a equipo nem ninguém, exigem que suas decisões sejam cumpridas sem dizer um pio.

Quem decide a programação? O senhor diretor. Quem decide a música que entra ou não entra? A senhora diretora. Quem decide as notícias que são importantes e as que não? O senhor diretor. Quem decide os turnos dos locutores? A senhora diretora. Quem decide salários, horários, itinerários e até mobiliários? Eles, os diretores autoritários. E ponto.

Estes ditaduros não sentem nenhuma necessidade de explicar suas decisões aos que consideram seus “subordinados”. Para eles, o importante não são as pessoas, mas os resultados. Para consegui-los, impõem um ritmo de trabalho acelerado e exigem obediência imediata.

Nunca sorriem. Pensam que isso os rebaixaria, os mostraria débeis. São inflexíveis, estritas e carrancudos. Não dialogam com ninguém, não ouvem sugestões de ninguém. Não propõem, e sim impõem.

São generais de exército mais que animadores ou coordenadoras. E como bons chefes, gritam muito, com demasiada frequência e em público. Gritam e humilham o pessoal, porque eles nunca erram.

DIRETORA Disse que na cabine não entra ninguém sem minha permissão.

LOCUTOR Mas é que…

DIRETORA Ninguém eu já disse. Não quero ter que repetir as coisas, me entende?… me entendeu?

CONTROL GOLPE MUSICAL

DIRETOR Isto são horas de chegar, Matilde?

LOCUTORA Acontece que fui à farmácia…

DIRETOR Acontece que não quero te ver mais por aqui. Se manda e não volte mais!

CONTROL GOLPE MUSICAL

Gritam para impor sua autoridade, demonstrando assim que não têm nenhuma. Só têm poder. O poder do mandamais.

A equipo da rádio não trabalha com mística, mas com medo. Os colegas olham o relógio constantemente ansiando pela hora de terminar a jornada.

Este tipo de diretores e diretoras estão condenados à solidão. Por sua prepotência, geraram uma equipe de trabalho que só busca acomodar-se e aproveitar-se de uma situação opressiva. Não souberam criar uma equipe de colaboradores, mas de súditos.

OS DITADUROS (4)

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Este sitio usa Akismet para reducir el spam. Aprende cómo se procesan los datos de tus comentarios.