COLÔMBIA MINEIRA

Este radioclip es de texto y no tiene audio grabado.

Quem fica com o filão do ouro e do carvão colombiano?

LOCUTOR Nossos microfones instalados na rua 43 de Bogotá, na sala do Ministério de Minas e Energia, onde o senhor ministro está realizando uma entrevista coletiva…

MINISTRO (DE 3 A 1P) … Como bem explicou o presidente Santos, a economia colombiana vai ser dinamizada por cinco locomotivas. A principal delas é a mineração. Colômbia é um país mineiro e devemos aproveitar as riquezas que a natureza pôs sob nossos pés.

JORNALISTA 1 Senhor ministro, fui informado que uma empresa canadense adquiriu as minas de ouro de Marmato, no departamento de Caldas. Isto é verdade?

MINISTRO É verdade, sim.

JORNALISTA 1 Mas essas minas vinham sendo exploradas por dezenas de mineiros artesanais que agora ficaram na rua, sem trabalho… o que vai ser deles agora?

MINISTRO Bom, as leis do mercado são assim. Quem não tem cão caça com gato.

JORNALISTA 1 Mas soubemos inclusive que essa empresa está exigindo o traslado do povo de Marmato porque a mina corre por baixo das casas… Seu governo permitirá que todo povoado desapareça?

MINISTRO Veja bem, senhor jornalista, calcula-se que essa mina tenha uns 7 milhões e meio de onças de ouro, o que equivale a 8 bilhões de dólares. Como o senhor compreenderá, vale à pena mover um pequeno vilarejo para extrair essa grande fortuna.

JORNALISTA 2 E dessa fortuna, desses 8 bilhões de dólares, quanto caberá ao estado colombiano?

MINISTRO Os direitos pactuados são de 5 por cento.

EFEITO BURBURINHO

JORNALISTA 2 Será que ouvi direito?… A empresa estrangeira leva 95 por cento e a Colômbia fica com 5?

MINISTRO Com efeito, assim estão firmados os contratos.

EFEITO BURBURINHO

JORNALISTA 3 Senhor ministro, temos a informação de que outra companhia, também canadense, a Grey Star, que pretende explorar uma jazida ainda mais rica em ouro localizada em Santander, no páramo de San Turbán.

MINISTRO Sim, é um projeto muito ambicioso no qual já estamos trabalhando…

JORNALISTA 3 Mas esse páramo é uma reserva de água para todas as populações do nordeste colombiano. A exploração envenenaria com cianeto e mercúrio as correntes que nascem ali…

MINISTRO Vocês, os jornalistas, sempre exageram as coisas. E os ecologistas, são ainda piores.

JORNALISTA 4 E o que o senhor diz, ministro, da concessão conhecida como La Colosa, no departamento de Tolima?

MINISTRO Essa concessão corresponde à companhia inglesa Anglo Gold Ashanti… Como podem ver, o governo está diversificando os investimentos…

JORNALISTA 4 Entendo, senhor ministro, que as reservas de ouro de La Colosa são as maiores do país, que equivalem a uns 20 bilhões de dólares.

O que ficará na Colômbia de todos esses bilhões?

MINISTRO Como já expliquei, os direitos são de 5 por cento.

JORNALISTA 4 95 para a empresa estrangeira e 5 para Colômbia… isso lhe parece justo, senhor ministro?

MINISTRO Faça-me o favor de baixar o tom. Mais alguma pergunta?

JORNALISTA 1 A última, senhor ministro. Porque o que está ocorrendo com o ouro também está ocorrendo com o carvão.

MINISTRO A que o senhor se refere?

JORNALISTA 1 Refiro-me a que na costa atlântica da Colômbia temos as maiores reservas de carvão de toda América Latina… As transnacionais ficam com 95 e só nos deixam 5 por cento. É assim ou não é?

MINISTRO Exato. Os tratados de livre comércio assinalam que…

JORNALISTA 1 Isso não é tratado de livre comércio, mas de livre saque!

EFEITO ALVOROÇO

LOCUTOR Vamos a uma corte comercial e… e não voltaremos. (BULLA)

CONTROL ALÍ PRIMERAPERDÓNEME TÍO JUAN

BIBLIOGRAFÍA
Félix Posada, Neoliberalismo con guantes de seda, Encuentro, Bogotá, oct/dic 2010. cepalc@etb.net.co

COLÔMBIA MINEIRA

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.

Este sitio usa Akismet para reducir el spam. Aprende cómo se procesan los datos de tus comentarios.