CORINA APAIXONADA POR OUTRO

Este radioclip es de texto y no tiene audio grabado.

Sou uma mulher casada que não ama seu marido. Estou apaixonada por outro, mas ele também não pode viver uma vida a dois como eu gostaria. É um sacerdote.

CONTROLE CARACTERÍSTICA DA SÉRIE

CONTROLE MÚSICA RELIGIOSA

CORINA Obrigada por ouvir-me, padre. Estou desesperada, não sei o que fazer.

HENRIQUE Corina, se eu puder te ajudar em alguma coisa, não hesite em me procurar. Deus não permitirá que continue sofrendo.

CONTROLE MÚSICA RELIGIOSA.

CORINA Foi assim que conheci o padre Henrique, o pároco do bairro. Uma amiga me levou até ele para que me orientasse. Eu estava vivendo uma penosa relação com meu marido. Estava casada há dez anos…

CONTROLE MÚSICA DE TRANSIÇÃO

MARIDO Quero que seja minha esposa, Corina. Aceite-me, te farei muito feliz.

CORINA Está bem. Vamos nos casar.

CONTROLE MÚSICA TRISTE

CORINA Casei-me sem amá-lo o suficiente. Ele era uma pessoa boa, tranquila, embora bem mais velho que eu. Por que o fiz? Para fugir de casa. Não podia suportar os maus-tratos do meu pai, as contínuas brigas com a minha mãe, os gritos… A chegada de Luis, meu marido, foi minha salvação.

CONTROLE MARCHA NUPCIAL

CORINA Depois do casamento, fomos viver em um bairro bonito, em uma casa pequena, nada espetacular. Mas considerei uma bênção não ter que suportar mais violência.

EFEITO AMBIENTE LAR

MARIDO Tchau, Corina. Volto para o almoço.

CORINA Está bem.

CONTROLE GOLPE MUSICAL

CORINA Luis, meu marido, era um homem tranquilo. Mas tinha um gênio difícil, controlador, dono de tudo. Não permitia que eu trabalhasse fora de casa.

MARIDO Não, Corina. O que te falta?

CORINA Chegaram os filhos. Três meninos que alegraram a minha vida, embora tenho que confessar que os tive mais por minha obrigação de esposa que por amor a meu marido.

CONTROLE MÚSICA TRISTE

CORINA Assim passava minha vida. Cuidando da casa, dos filhos e esperando um marido que não me fazia feliz. Muitas vezes me arrependi de ter me casado. E já são dez anos a seu lado sem nenhum entusiasmo.

CONTROLE MÚSICA TRISTE

EFEITO LOJA

AMIGA Corina, se não o ama, por que não se divorcia? Não pode viver uma vida tão chata, tão sem amor. Separe-se.

CORINA Já disse a ele, mas Luis não quer divórcio nem separação.

MARIDO (REVER) Eu te amo, Corina. Mesmo que eu não saiba demonstrar, eu te amo muito.

AMIGA O que você vai fazer, então?

CORINA Não sei. Acho que vou procurar um psicólogo, um confessor, alguém que me ajude.

AMIGA Tem razão. Por que não vamos à paróquia? Vou lhe apresentar o padre Henrique, ele é um grande orientador familiar.

CONTROLE MÚSICA DRAMÁTICA

CORINA E na verdade, o padre Henrique me ajudou a aceitar minha situação.

EFEITO BURBURINHO, CRIANÇAS BRINCANDO

CORINA Eu adorava trabalhar com ele na paróquia. E colaborava em todas as atividades da Igreja. Ainda o faço, sobretudo com os programas para crianças. Lá levo também os meus.

EFEITO RISOS DE CORINA E PADRE

CORINA Nos tornamos muito amigos. Eu não tinha percebido, nem ele. Mas logo, quando estávamos arrumando o salão paroquial, tropeçamos…

HENRIQUE Desculpe, Corina.

CORINA (ENCABULADA) Não é nada, Henrique.

CONTROLE MÚSICA ROMÂNTICA

CORINA Nos olhamos e… E não pudemos evitar um beijo.

HENRIQUE Perdão. Perdão, Corina.

CONTROLE MÚSICA ROMÂNTICA

CORINA Desde esse momento, nos tornamos amantes e passamos três anos vivendo essa paixão. Queríamos estar sempre juntos… embora às escondidas.

HENRIQUE Ninguém deve saber, Corina.

CORINA Eu sei. Mas já não posso continuar com meu marido, mesmo sendo um bom homem, eu não o amo. Vou lhe pedir divórcio novamente. Ele tem que aceitar, já faz tempo que não dormimos juntos.

HENRIQUE Ele não deve saber por que você quer se divorciar.

CORINA Não é a primeira vez que peço a ele. Henrique… Diga-me, se eu me separar do meu marido, você deixaria a paróquia para viver comigo?

HENRIQUE Corina, você sabe que eu tenho meus deveres e minha vocação religiosa. Te amo, mas não posso renunciar a meus votos. Minha missão é cuidar da paróquia.

CONTROLE MÚSICA DRAMÁTICA

CORINA Estou em uma confusão terrível. Eu não amo o meu marido, e Henrique, “o padre Henrique”, não me ama o suficiente para deixar o sacerdócio. Se eu me separar do meu marido ficaria sem nenhum dos dois. Será isso o melhor? A verdade é que não sei o que fazer. E você, o que faria em meu lugar?

CONTROLE MÚSICA SUSPENSE

*PRIMEIRA SOLUÇÃO*

CONTROLE CARACTERÍSTICA DA SÉRIE

LOCUTORA Primeira solução…

CORINA Henrique… você deixaria a paróquia para viver comigo?

HENRIQUE O quê? Eu te amo, Corina. Mas não posso renunciar a meus votos. Minha missão é cuidar da paróquia.

CONTROLE MÚSICA TRISTE

CORINA Triste vida a minha. Claro, eu entendo o que disse Henrique. Ele é sacerdote e não pode deixar tudo por mim. Mas se me amasse como diz, o faria. Eu conheço outros padres que saíram e são felizes.

CONTROLE MÚSICA TRISTE

CORINA Os dias na minha casa passam lentamente. Meus filhos vão à escola, eu faço as tarefas da casa rapidamente e a única coisa que me interessa é ir à paróquia para ver Henrique.

EFEITO AMBIENTE BAIRRO

HENRIQUE Que bom que você veio, Corina. Temos muito trabalho. Temos que organizar o festival do domingo.

CORINA Quero falar contigo, Henrique. A sós.

HENRIQUE Agora não podemos. Já te disse, as pessoas não podem saber sobre nós.

CONTROLE GOLPE MUSICAL

CORINA Muitas vezes acontece a mesma coisa, vou vê-lo e ele me trata como se fosse outra qualquer. Estou me cansando de viver assim. Já tentei terminar com Henrique várias vezes, me distanciei, mas…

EFEITO TELEFONE

HENRIQUE (FILTRO) Corina? O que está acontecendo? Por que não vem?

CONTROLE GOLPE MUSICAL

CORINA Ouço sua voz… e não posso evitar de retornar à paróquia. Mas continuamos na mesma…

HENRIQUE (REVER) Que ninguém saiba, Corina.

CONTROLE MÚSICA TRISTE

CORINA Tenho que resolver esta situação. Não posso prolongá-la mais. Por outro lado, já não suporto o meu marido. Não quer ir embora de casa, mesmo que não durmamos mais juntos, sua presença me deixa nervosa. E meus pobres filhinhos pagam por isso.

EFEITO CHORO DE MENINOS

CORINA Deixem-me em paz, garotos!

CONTROLE MÚSICA TENSA

CORINA Isso não pode continuar assim. Tenho que ir embora. Vou pedir para o meu irmão que me receba em sua casa até que possa trabalhar e manter os meus filhinhos. Sei muito de cozinha e confeitaria. Henrique? Não lhe direi nada, desaparecerei de sua vida. E meu marido? Terá que aceitar. Não tem outra alternativa.

CONTROLE CARACTERÍSTICA DA SÉRIE

LOCUTORA Cem mulheres em conflito. Uma produção SERPAL. Escrita e dirigida por Tachi Arriola Iglesias. Edição e montagem, Carlos Romero.

*SEGUNDA SOLUÇÃO*

CONTROLE CARACTERÍSTICA DA SÉRIE

LOCUTORA Segunda solução…

CORINA Henrique… você deixaria a paróquia para viver comigo?

HENRIQUE O quê? Eu te amo, Corina. Mas não posso renunciar a meus votos. Minha missão é cuidar da paróquia.

CONTROLE GOLPE MUSICAL

CORINA Cuidar da paróquia! E eu? ¿Quer dizer que nunca terei a esperança de viver com Henrique? De formar um lar com ele? Quando ele me disse isso doeu muito, mas ele tem razão. Fui eu que se meteu em sua vida.

CONTROLE MÚSICA DRAMÁTICA

CORINA Parece novela, tenho dois amores: um marido e um padre. Nunca imaginei que isso aconteceria comigo. Penso e tenho remorsos por estar com um homem de Deus. Mas também me sinto culpada de não corresponder a meu marido.

CONTROLE MÚSICA DRAMÁTICA

EFEITO AMBIENTE LAR

CORINA Quero separar-me de ti. Não nos entendemos, eu não posso continuar assim.

MARIDO Outra vez, Corina? Temos filhos e você sabe que te amo.

CORINA Há anos que não temos nada. Só partilhamos a casa. Por que não procura outra mulher?

MARIDO Algum dia me amarás, Corina. Eu tenho paciência.

CONTROLE GOLPE MUSICAL

CORINA Me irrita sua estupidez e já não sei como dizer-lhe que não o quero. Tenho que morder os lábios para não lhe gritar a verdade. Do jeito que ele é, talvez nem acreditasse. Estou perdida, o que faço?

CONTROLE MÚSICA DRAMÁTICA

CORINA Pensei muito. Não está em minhas mãos resolver este problema. Estou vivendo o que se chama um triângulo amoroso. Meu marido, o padre e eu. Vou deixar passar o tempo… e que a vida ponha as cosas em seu lugar.

CONTROLE CARACTERÍSTICA DA SÉRIE

LOCUTORA Cem mulheres em conflito. Uma produção SERPAL. Escrita e dirigida por Tachi Arriola Iglesias. Edição e montagem, Carlos Romero.

*TERCEIRA SOLUÇÃO*

CONTROLE CARACTERÍSTICA DA SÉRIE

LOCUTORA Terceira solução…

CORINA Henrique… você deixaria a paróquia para viver comigo?

HENRIQUE O quê? Eu te amo, Corina. Mas não posso renunciar a meus votos. Minha missão é cuidar da paróquia.

CONTROLE MÚSICA TRISTE

CORINA Henrique e eu conversamos muito sobre este tema. Gostaria tanto que ele deixasse o sacerdócio e vivesse comigo. Que todo mundo soubesse.

HENRIQUE (REVER) Nem pense nisso, Corina.

EFEITO QUERMESSE

MULHER (PICARA) Olha, Corina, o padre Henrique sempre está te procurando. Será que ele não quer algo mais que uma paroquiana?

CORINA (DISSIMULANDO) Como pode imaginar uma coisa dessas?

MULHER Conhece a lenda da mula-sem-cabeça?

CORINA Cale-se, que podem te ouvir.

MULHER Quem não deve não teme, querida.

CONTROLE GOLPE MUSICAL

CORINA Tenho que ter mais cuidado. As pessoas já começam a murmurar. E não quero magoar o meu marido. Apesar de tudo, ele é bom e não tem culpa do que eu faça. Advertirei o Henrique.

CONTROLE MÚSICA RELIGIOSA

CORINA É isso, Henrique. Acho que devemos separar-nos por um tempo.

HENRIQUE O que houve, Corina?

CORINA As pessoas murmuram e não quero colocá-lo em risco. Sobretudo porque ainda estou casada.

HENRIQUE Vamos ter mais cuidado, então. Eu também te amo e não imagino viver sem ti.

CORINA Mas não quer deixar de ser padre.

HENRIQUE Não posso. Já te expliquei.

CONTROLE MÚSICA SUSPENSO

CORINA Cada vez que tento romper com Henrique, ele me retém com seu amor. E eu volto ao mesmo pecado. Não quero viver uma vida dupla. Devo escolher um entre os dois.

EFEITO AMBIENTE LAR

CORINA Sinto muito. Se você não vai embora, eu vou. Não posso continuar assim.

CONTROLE GOLPE MUSICAL

CORINA Estou me separando do meu marido. Não lhe disse a verdade, não quero fazê-lo sofrer mais ainda. Mas meu coração pertence a outra pessoa.

CONTROLE CARACTERÍSTICA DA SÉRIE

LOCUTORA Cem mulheres em conflito. Uma produção SERPAL. Escrita e dirigida por Tachi Arriola Iglesias. Edição e montagem, Carlos Romero.

p=. **********************************

p=. GUIA PARA O DEBATE*

_Sou uma mulher casada que não ama o seu marido. Estou apaixonada por outro, mas ele também não pode me dar uma vida a dois como eu gostaria. É um sacerdote. Tenho remorsos com meu marido e com o outro, que é um homem de Deus. Separo-me de ambos? Continuo com eles? Estou confusa. Não sei o que fazer.

_Primeira solução: Corina se separa de seu marido e rompe a relação com Henrique. Começará uma nova vida ao lado de seus filhos._
* _Segunda solução: Corina deixa que o tempo decida por ela._
* _Terceira solução: Corina se separa de seu marido e continua a relação com Henrique. Mas, às escondidas._

p=. **********************************

*Medo da reprovação social*

* O casamento, usado às vezes por adolescentes para fugir de famílias com problemas, provoca insatisfação em sua vida e pode levá-las a relações amorosas nas quais a mulher e sua família sofrem.
* Se mantém a falsa ideia de que quando uma mulher rompe uma relação, prejudica a família e os filhos. Mantê-la, na maioria das vezes, traz sofrimento para todos.
* A sociedade vê com maus olhos as relações “proibidas”: apaixonar-se por um “homem de Deus”, uma grande diferença de idade entre os parceiros, diferenças econômicas e culturais…

*Mudanças sociais*

* O casamento estável e duradouro já não é a única forma de união.
* Aumenta o número de divórcios. As pessoas que romperam um vínculo amoroso podem refazer sua vida.
* As mulheres participam mais na sociedade e começam a priorizar sua felicidade frente o sacrifício. Tomam decisões de forma mais livre.

*O Celibato*

* A Igreja católica proíbe seus sacerdotes de contrair matrimônio. Para fazê-lo devem antes abandonar a Igreja.
* Não são todas as Igrejas que obrigam a manter o celibato. As Igrejas Metodista e Ortodoxa permitem que seus clérigos se casem.

bq. Quantas lágrimas vai guardar
em teu copo de cristal?
Se tens medo… se estás sofrendo…
tens que gritar e sair… sair correndo
“Sair correndo” – Amaral_

*Para completar…*

* Relacionar as últimas mudanças sociais com o aumento de autonomia das mulheres.
* Lembre casos de mulheres próximas à comunidade que tenham superado situações parecidas a de Corina.
* Existe algum serviço em minha comunidade que possa ajudar-me? Onde posso acudir para assessorar-me sobre o divórcio?

*Como usar este programa?

1.Apresentar o tema.
2.Passar a dramatização do conflito (sem os finais possíveis).
3.Provocar um primeiro diálogo com a audiência (o que acontecerá com a protagonista? O que faria em um caso semelhante? Como terminará este conflito?).
4.Passar os três finais possíveis, um a um, com comentários intercalados. Qual é a melhor solução?
5.Abrir o debate (telefônico e/ou presencial). Nesta ficha há dados para comentar o tema.
6.Você pode convidar uma mulher que tenha vivido uma situação similar a de Corina.
7.Para terminar, seria conveniente ouvir o programa completo com a solução mais votada pela audiência.

BIBLIOGRAFÍA

Lagarde y De Los Ríos, Marcela,Los cautiverios de las mujeres: madresposas, monjas, putas, presas y locas. Universidad Nacional Autónoma de México, 2003
* Vocación sacerdotal y matrimonial: Caso Milingo.(enlace)

CORINA APAIXONADA POR OUTRO

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.

Este sitio usa Akismet para reducir el spam. Aprende cómo se procesan los datos de tus comentarios.