NOSSA AVÓ LUCY

Este radioclip es de texto y no tiene audio grabado.

Conheces a Lucy, nossa antepassada? Os arquélogos a batizaram assim por uma canção dos Beatles.

CONTROLSICA DE PERCUSÃO LENTA

EFEAITO VENTO E PISADAS SOBRE ERVA

LOCUTORA Lucy avançava penosamente pela planície africana. Caminhava erguida, em dois pés, mesmo que seus longos braços as vezes roçavam o solo…

EFEITO GUTURAIS

LOCUTOR Haviam feito falta cem mil gerações para deixar atrás a marcha em quatro patas de seus antepassados.

EFEITO PLANTO BEBÊ

LOCUTORA Com seu filho nos braços e nua, debaixo de um sol abrasador, Lucy se sentia desfalecer. Mas tinha que chegar. Tinha que alcançar aquelas árvores que dividia no horizonte.

EFEITO LEÕES DE FUNDO

LOCUTOR Pele negra, muito cabelo, apenas um metro de estatura e trinta quilos de peso. Mas um cérebro bastante desenvolvido que lhe havia permitido esquivar do leão, espantar o leopardo e à hiena.

EFEITO PISADAS

LOCUTORA Os parentes de Lucy, chimpanzés e gorilas, haviam preferido a Segurança do bosque e ali permaneceriam para sempre. Porque o destino pertencia a quem com audácia desafiaram o perigo dos espaços abertos.

LOCUTOR Algum dia, os descendentes de Lucy revolucionariam, fabricariam lanças e machados de pedra, descobririam o fogo e, finalmente, conquistaram o mundo.

LOCUTORA Tudo isso seria possível si ela e sua criatura continuassem avançando. Se sobrevivessem à sede e ao calor. Se não se rendessem e conseguissem reunir-se com a família de australopitecos que a esperava à sombra daquelas árvores.

CONTROL MUDA A MÚSICA MÁS RÍTMICA

ARQUEÓLOGO Veja este crâneo… um fémur… também a pelvis… até as vértebras!… (GRITARIA)… Venham ver isto, rapazes!

CONTROL LUCY IN SKY WITH DIAMONDS, BEATLES

REPORTER Hoje 30 de Novembro de 1974, estamos no vale de Afra, na Etiópia, junto a Donald Johanson e seu grupo de arqueólogos, que encontraram um esqueleto fossilizado.

ARQUEÓLOGO Com segurança é uma fêmea… um esqueleto feminino… A chamaremos… Lucy!

LOCUTORA Assim batizaram aquela antepassada nossa, porque esse dia, no acampamento científico, soava a canção dos Beatles, Lucy in the sky with diamonds. Lucy no céu com diamantes.

LOCUTOR Los restos tenían más de tres millones de años de antigüedad.

MULHER Mas… esses ossos eram de uma mulher ou de uma macaca?

ARQUEÓLOGO Já não era macaca… mas tão pouco era mulher. Todavia não era mulher. Lucy foie nossa antepassada, um elo perdido e encontrado, da antiga família humana.

CONTROLSICA EMOTIVA

LOCUTOR A pequena Lucy não é um conto. Ela viveu e caminhou e deu luz há três milhões de anos nas estepes africanas do que hoje é Etiópia. É um dos fósseis mais completos e impressionantes que demonstram a evolução das espécies.

LOCUTORA Lucy não era todavia uma mulher. Mas dela e de outras australopitecas valentes, que se atreveram a caminhar erguidas e olhar para frente, vimos todas e todos. São nossas primeiras avós.

BIBLIOGRAFIA
Juan Luis Arsuaga, La especie elegida, Madrid 1998.

NOSSA AVÓ LUCY

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.

Este sitio usa Akismet para reducir el spam. Aprende cómo se procesan los datos de tus comentarios.