O CAMINHO DOS SONHOS

Este radioclip es de texto y no tiene audio grabado.

O povo sápara, o melhor cuidador da amazônia, o que sabe falar com seus antepassados e os espíritos da floresta

ESCUTE O ÁUDIO

CONTROLE SELVA E MÚSICAPARA

EFEITO SELVA ANHECER

HOMEM (BEBENDO) Ahhh… A chicha está forte. Para começar bem o dia… e para ouvirmos os sonhos…

MULHER Eu sonhei com água e muitos peixes. Eram prateados, brilhantes.

HOMEM Então, isso é uma gripe, você deve se cuidar.Isso é assim, os sonhos nos contam o que vai acontecer.

SHÍMANO E o que aconteceu antes, de antes que você nascesse? Quando nosso povo sápara era grande e vivíamos felizes caçando e pescando na selva… Naquele tempo não havia fome.

MULHER Você é “ali muskuyuj”, um bom sonhador… Conte-nos para saber a história…

SHÍMANO (NOSTÁLGICO) Eu sou história. Nasci antes do meu avô.

EFEITO CANTOS AYAHUASCA E ÁGUA

SHÍMANO O ayahuasca me levou ao mundo dos sonhos e lá estava meu

avô, um shímano, “xamã” poderoso. Também vi como nosso povo foi desaparecendo, como a morte chegou ao lado dos espanhóis e os patrões da borracha.

EFEITO CHICOTADAS, GRITOS, VOZES PATRÕES

SHÍMANO A morte chegou mas nós resistimos. Nosso povo só deixará de existir no dia em que renunciemos a Piatsaw e Tsamaraw, nossos deuses e mestres, para acreditar no deus dos brancos.

CONTROLESICA AYAHUASCA DE TITO LA ROSA

LOCUTORA Durante a conquista e a colonização espanhola, os sáparas viviam entre o rio Napo e o rio Pastaza, até o Marañón. Seu território se estendida desde o altiplano andino equatoriano até a fronteira peruana.

LOCUTOR As epidemias trazidas pelos europeus, o tráfico de escravos, a exploração da borracha, as mineradoras, as guerras com outras nacionalidades, reduziram a população sápara até fazê-la quase desaparecer.

EFEITO HELICÓPTERO, METRALHADORAS

LOCUTORA A princípios do século 20, ainda existiam mais de 200 mil sáparas. Na atualidade, não há mais de 1400, separados no território peruano e equatoriano.

LOCUTOR Em 1941, uma guerra entre Equador e Peru dividiu as nacionalidades indígenas do oriente equatoriano ao estabelecer limites fronteiriços.

LOCUTORA A partir daí, os sáparas vivem divididos entre equatorianos e peruanos. A maior parte da população sápara se considera kichwa, e por isso estão em perigo de extinção.

SHÍMANO Por que nos separam? Onde ficará Amazanga, o mestre que nos ensinou a caçar, a pescar, o guardião dos animais, os sacha runa, que cuidam da floresta? Onde ficará os yacu runa, pais dos rios e os urcu runa, espíritos das montanhas? Os espíritos de nossos antepassados com os quais nos comunicamos, onde os encontraremos?

CONTROLE SELVA, CANTOSPARA

LOCUTORA As missões dos jesuítas e os dominicanos também lhes causaram um grave dano ao obrigá-los a usar o kichwa como língua comum para facilitar a “evangelização”. Hoje só uns dez anciãos falam a língua Sápara.

LOCUTOR Em 2001, a UNESCO reconheceu a nacionalidade sápara como obra mestra do “Patrimônio Oral e Imaterial da Humanidade”, financiando um projeto para revalorizar seu idioma e sua cultura.

LOCUTORA Atualmente, o primeiro objetivo da NASE, a Nação Sápara do Equador, é revitalizar sua cultura, seu idioma e o xamanismo. Mas outros problemas os ameaçam.

HOMEM O que acontecerá se entrarem as companhias petroleiras? Vão nos destruir! Para onde iremos?

CONTROLESICA NEW AGE

LOCUTORA O povo sápara, o melhor cuidador da amazônia, o que sabe falar com seus antepassados e os espíritos da floresta, põe sua esperança em Piatsaw, guia de seus sonhos, que não permitirá que desapareçam.

SHÍMANO Quem não sabe sonhar é um ser incompleto. Com sonhos vivemos, com sonhos estamos caminhando.

CONTROLE CANTOSPARA.

BIBLIOGRAFÍA
Documento entregue pela Fundação Pachamama , Quito, Equador.

O CAMINHO DOS SONHOS

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.

Este sitio usa Akismet para reducir el spam. Aprende cómo se procesan los datos de tus comentarios.