QUANDO ALGO FALHA (1)

Este radioclip es de texto y no tiene audio grabado.

O que não pode faltar nunca em um departamento técnico ou em um lar com vários computadores.

Na rádio, no estúdio de produção, em nossa própria casa, usamos diariamente diferentes equipamentos técnicos: computadores, microfones ou consoles são companheiros inseparáveis em nossas aventuras radiofônicas ou cibernautas.

Companheiros que, às vezes, se esgotam, se cansam, se danificam. Vimos em radioclips anteriores como realizar uma boa manutenção preventiva para evitar complicações. Mas é inevitável que algo falhe. O que fazer, então?

A primeira coisa é conservar a calma e recorrer a essas coisas que não podem faltar nunca em um departamento técnico de uma rádio, um estúdio ou inclusive em um lar com vários computadores.

Uma caixa de ferramentas completa

Com chaves de fenda e chaves philips de diferentes tamanhos, alicates de bico e de corte, fita isolante, um ferro de solda de ponta fina com solda e um teste ou multímetro para fazer medições elétricas. Lembre que para qualquer reparo ou manipulação de equipamentos eletrônicos você deve tirar os anéis, pulseiras ou o relógio. Eles podem produzir eletricidade estática e danificar alguns componentes.

Reposição

Se você é encarregado da parte técnica de uma emissora, é muito aconselhável que conte com as peças de reposição dos equipamentos básicos: válvulas ou transistores MOSFET do transmissor, fusíveis, conectores e cabos…

Memória Técnica de Instalação

É feita ao instalar os equipamentos. Se não a tiver, nunca é tarde. É uma lista de equipamentos com seus correspondentes cabos e conexões numeradas e a “rota” de cada um deles.

Se algum cabo estiver soldado de forma não convencional ou usar um cabo especial, anote-o. Se os equipamentos falham no dia em que estiver de viagem, esta memória ajudará quem for repará-los.

EQUIPAMENTO 1

CONECTOR 1

TIPO

CABO

CONECTOR 2

EQUIPAMENTO 2

1

Leitor de CD

Dois RCA
Macho St

Balanceada

Par Estéreo

Dois Plugs
Machos St

Console Ar


Folha de Vida

Cada equipamento deve ter a sua em que constará: marca e modelo, lugar e data da compra, dia em que expira a garantia, telefone do Serviço Técnico Autorizado para essa marca…

A esta folha se anexará o manual do equipamento. Nunca se desfaça de nenhum. Leia o manual, faça a folha de rota e grampeie ambos. Tenha uma pasta especial para guardá-los. Quase todos os manuais trazem na parte final um quadro de avarias onde sugerem soluções aos possíveis problemas.

Bitácula ou diário técnico

Caderno para anotar as leituras do transmissor e resto de equipamentos, as rotinas de manutenção, com suas datas e ações, as avarias e soluções dadas.

Inclusive tendo muita disciplina nas manutenções preventivas, não estamos livres de que algum dia os equipamentos falhem. A melhor fórmula para encontrar o inconveniente é dar uma de detetive e aplicar a… “Teoria do Seguimento”. Mas isso deixamos para o próximo radioclip.

BIBLIOGRAFÍA
Manual para Radialistas Analfatécnicos, de Santiago García Gago. www.analfatecnicos.net Uma produção de Radialistas.net e UNESCO.

QUANDO ALGO FALHA (1)

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.

Este sitio usa Akismet para reducir el spam. Aprende cómo se procesan los datos de tus comentarios.