Rivalidade feminina

Este radioclip es de texto y no tiene audio grabado.

Será verdade que a mulher é o inimigo número um da mulher?

LOCUTOR A seguir, nosso espaço habitual “O consultório sexual da doutora Mirales”.

CONTROLE CARACTERÍSTICA CONSULTÓRIO

DOUTORA Amigas, amigos, como estão? Como vão passando? Estou certa que bem. E eu também porque ainda estou rindo de uma mensagem que me chegou de um ouvinte. Escutem, diz assim:

CONTROLESICA TRANSIÇÃO

HOMEM Doutora Mirales, você sempre defende as mulheres, sempre se põe do lado delas. Mas está enganada. Muitos dos problemas que elas têm, elas mesmas que arranjam. É só prestar atenção em como se tratam entre elas. Umas contra as outras, todas contra todas. Com razão dizem que a mulher é o inimigo número um da mulher.

CONTROLESICA TRANSIÇÃO

DOUTORA Dou risada porque quem disse isso… é um homem. Mas, enfim, vamos conversar sobre isso hoje neste consultório. Será verdade o que disse este senhor que nós mulheres somos as piores inimigas das outras mulheres?

EFEITO TELEFONE

DOUTORA Como o tema desperta interesse… Vejamos quem nos chama… alô?

INTELECTUAL Alô… doutora Mirales?… Sabe, doutora, respeito a pergunta apresentada, digo-lhe que é uma verdade incontestável. A psicologia moderna mostra e demonstra que as relações femininas se baseiam na rivalidade.

DOUTORA Sério?

INTELECTUAL As mulheres, por exemplo, não se arrumam para o marido, mas para competir em beleza com as outras mulheres… Não estudam porque tenham interesse em estudar, mas para impor respeito a outras mulheres. Não trabalham porque…

DOUTORA Um momento, um momento, meu querido. O interrompo para uma pergunta. De que psicologia moderna me está falando? Que autores, quais são esses psicólogos?

INTELECTUAL Pois… diversos autores como Jean Luc Gregré, Richard Letoní, Antonio Taringa…

DOUTORA Mas você só cita psicólogos homens… será que essa história da rivalidade feminina não foi inventada por vocês como uma cortina de fumaça?

INTELECTUAL Cortina de fumaça?

DOUTORA Porque ao longo da história os mais brigões e rivais sempre tem sido vocês, os varões… A guerra é uma invenção masculina.

EFEITO TELEFONE

DOUTORA Gostaria de ouvir outras opiniões… alô?

HOMEM Sim, doutora, lhe fala um fiel ouvinte de seu consultório…

DOUTORA Pois lhe agradeço, porque hoje em dia a fidelidade só se vê em nos equipamentos de som…

HOMEM Mas, doutora, eu creio que esse bacharel que acaba de ligar tem toda razão. A mulher é uma loba para as outras mulheres.

DOUTORA E os homens não são lobos para os outros homens?

HOMEM Não é a mesma coisa, doutora. Veja, se uma mulher tem outra mulher como chefa… já a está desqualificando, fazendo fofoca… Mas se você colocar essa mulher sob o mando de um homem, ela o respeitará.

DOUTORA Primeiro, esperemos que o chefe a respeite…

HOMEM Nem todos os chefes são assediadores.

DOUTORA Nem todas as mulheres são como você as pinta, que só se portam bem se um homem lhes manda.

HOMEM Outro exemplo, doutora. As mulheres brigando pelo homem. Agarram os cabelos, se insultam, se cospem…

DOUTORA E os machos brigando pela fêmea? Como se tratam, hein? Pior, porque se matam entre eles.

HOMEM Está bem, doutora, mas… Pense você na moda… O que dizia o bacharel… As mulheres não se arrumam para o marido, mas para competir com outras mulheres…

DOUTORA Pois veja você, e eu digo isso como mulher, eu não me arrumo para o marido nem para as outras mulheres, mas para mim mesma, para me sentir contente comigo mesma…

HOMEM Caramba, doutora, não há quem possa com você…

DOUTORA Não é isso, meu amigo, mas que eu penso que carregamos um montão de preconceitos… Que as mulheres somos fofoqueiras… vaidosas… que nos arrancamos os olhos… E os homens? Os seres humanos, homens e mulheres, somos invejosos. E essa inveja é pela baixa auto-estima. Se você está sempre se comparando com os outros, é porque não se ama. Aceite que sempre terá outras pessoas com mais talento, ou mais bonitas, ou mais simpáticas que você. E dai? Em vez de ficar com inveja, busque melhorar tuas próprias capacidades. Vamos transformar rivalidade em solidariedade. Até a próxima, amigas e amigos!

 

VISITE O CONSULTÓRIO SEXUAL DA DOUTORA MIRALES 

Rivalidade feminina

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.

Este sitio usa Akismet para reducir el spam. Aprende cómo se procesan los datos de tus comentarios.