SOBRE UMA PONTE DE PAPEL

Este radioclip es de texto y no tiene audio grabado.

Iraque, berço da civilização, lar de profetas, destroçado por um selvagem, George W. Bush.

LOCUTORA Dizem que entre o rio Tigre e o Eufrates se encontrava o Jardim do Éden.

LOCUTOR Dizem que há dez mil anos, nessas terras que hoje se chamam Iraque, as mulheres inventaram a agricultura. Aprenderam a semear trigo e cevada.

MULHER Com nossas mãos, amassamos os primeiros pães do mundo.

EFEITO VENTO

LOCUTOR Os homens fabricaram os primeiros tijolos de barro e ergueram torres imensas para explorar as estrelas.

LOCUTORA Dizem que uma delas, a Torre de Babel, era tão alta que raspava o céu.

CONTROLESICA ÁRABE

LOCUTOR Também no Iraque, há seis mil anos, a escrita foi inventada. As primeiras letras eram gravadas em barras de argila.

REI (SOLENE) Que a sabedoria nos guie. Que nossos filhos, lendo estas palavras, nunca esqueçam sua gloriosa história.

LOCUTORA O rei assírio Assurbanipal fundou a primeira biblioteca da Humanidade na cidade de Nínive, hoje Mosul, no norte do Iraque.

LOCUTOR Mesopotâmia, que também foi o nome do hoje atual Iraque, foi berço das civilizações antigas. Em suas férteis terras viveram acádios e sumérios, assírios e babilôios.

CONTROLESICA ÁRABE

LOCUTORA No Iraque foi erguida uma das maravilhas do mundo, os Jardins Suspensos da rainha Semíramis.

HOMEM Quem alguma vez os viu, nunca pôde apagá-los de seus olhos.

LOCUTORA O Iraque foi conquistado pelos árabes no século 7 de nossa era. Sua capital chegou a ser o centro do Império Islâmico, desde Marrocos até a Índia.

LOCUTOR Na mágica Bagdá, junto às tranqüilas águas do Tigre, a princesa Sherazade contou mil e um contos durante mil e uma noites.

CONTROLESICA ÁRABE

EFEITO CAVALOS, GRITOS, BARULHO

LOCUTORA No século 13, o Iraque foi invadido por Gengis Khan. Quando suas tropas chegaram a Bagdá, o neto deste terrível imperador mongol lançou ao rio todas as bibliotecas da cidade.

MONGOL Para que servem os livros? Um povo que não lê é dominado mais facilmente.

LOCUTORA Dizem que tantos foram os livros jogados no Tigre que o invasor pôde atravessar o rio sobre uma ponte de papel.

EFEITO BOMBARDEIO

LOCUTOR No ano de 2003, num dia como hoje, não foi o neto de Gengis Kant, senão o filho de outro selvagem, George Bush, que invadiu o Iraque.

LOCUTORA O Jardim do Éden foi bombardeado. Cidades milenares, destruídas. Monumentos da cultura humana reduzidos a pó, jogados na água.

LOCUTOR E as ruas de Bagdá, dia após dia, foram cobertas de corpos destroçados, crianças calcinadas pelo fogo, mulheres mutiladas pela força das bombas. E sangue, muito sangue, sobre as paredes fumegantes.

CONTROLE LAMENTOS ÁRABES

LOCUTORA Passaram-se seis anos desta ignomínia e aí seguem 200 mil soldados norte-americanos sujando a terra iraquiana.

LOCUTOR Aí seguem as empresas gringas roubando o petróleo iraquiano.

LOCUTORA E aí estão mais de 500 mil cadáveres, vítimas civis inocentes, exigindo castigo para o responsável por este massacre, George W. Bush, e sua corja de assassinos.

LOCUTOR Barack Obama: Cumpra sua palavra e tire de uma vez o exército invasor norte-americano das terras soberanas do Iraque. 

SOBRE UMA PONTE DE PAPEL

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.

Este sitio usa Akismet para reducir el spam. Aprende cómo se procesan los datos de tus comentarios.